Prevenindo Fraturas em Pessoas Idosas

As estatísticas mostram que 30% dos idosos irão cair pelo menos uma vez por ano. Em 5% desses casos, haverá uma fratura, mais comumente no fêmur, vértebras, punho ou ombro.

Prevenir fraturas em pessoas idosas é uma prioridade, especialmente porque hoje temos 30 milhões de pessoas acima de 60 anos e em 2030 esse número será de aproximadamente 40 milhões

As fraturas em idosos são um importante problema de saúde pública, principalmente porque a incidência aumenta com a idade, ou seja quando mais velho mais nos quebramos, isso ocorre devido a OSTEOPOROSE e ao da população de idosos estar crescendo.Devemos ensinar a TODOS e principalmente aos idosos a melhorar sua saúde óssea e reduzir o risco de lesões, mas essas medidas não se restringem a essa faixa etária, pois a prevenção deve ocorrer ao longo da vida. não temos números exatos porém estimasse que ocorram aproximadamente 50.000 fraturas de quadril por ano em pacientes acima de 60 anos.

É possível melhorar a massa óssea mesmo em pessoas idosas?

A resposta a essa pergunta é SIM. Podemos melhorar a massa óssea em qualquer faixa etária e mesmo as pessoas idosas podem ficar com os ossos mais fortes.

Quais as medidas devem ser adotadas para prevenir as fraturas nos idosos?

  • A prevenção de fraturas inclui redução do número de quedas, redução do trauma associado as quedas e maximização da força óssea em todas as idades
  • O tratamento farmacológico é clinicamente mais efetivo quando direcionado àqueles que estão em maior risco.
  • Fratura prévia e baixa densidade mineral óssea (OSTEOPENIA OU OSTEOPOROSE) são fortes fatores de risco para fraturas no futuro, e aqueles com maior risco podem ser identificados combinando-os com outros fatores de risco. FRAX
  • As Razões para quedas, instabilidade e desequilíbrio em pacientes idosos devem ser investigadas
  • O tratamento de outras condições clínicas concomitantes como corrigir a visão , operar a catarata, estabilizar o diabetes, controlar a pressão arterial, normalizar o frequência cardíaca com marcapasso, corrigir o entupimento das artérias, interromper o uso de medicações que tiram o equilíbrio e aumento o risco de quedas como é o caso dos benzodiazepínicos, etc. 
Artigo Escrito Pelo Dr Marcos Britto da Silva
Médico Ortopedista
Traumatologia do Esporte

https://www.facebook.com/PrevenindoFraturasEmIdosos/






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

25 perguntas sobre osteoporose

Manual do Cuidador de Idosos

Minha foto
Prefrati - Prevenindo Quedas e Fraturas em Idosos
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Prevenindo Quedas e fraturas em Idosos