Fatores de risco para Fraturas em idosos

Fatores de risco para desenvolver perda óssea, osteoporose e fratura em pessoas idosas 

  • Idade acima de 75 anos 
  • Mulher 
  • Fratura prévia após trauma de baixa energia 
  • Evidência radiográfica de osteopenia, 
  • Deformidade vertebral 
  • Perda de altura, 
  • Cifose torácica ou radiografias com deformidades vertebrais 
  • Baixo Peso corporal (índice de massa corporal <19) 
  • Tratamento com corticosteróides 
  • História familiar de fraturas por osteoporose (fratura de quadril materna) 
  • Exposição reduzida ao estrógeno ao longo da vida (amenorréia primária ou secundária, menopausa precoce natural ou cirúrgica (<45 anos)) 
  • Transtornos associados à osteoporose (baixo peso corporal prévio, artrite reumatoide, síndromes de má absorção intestinal
  • doença hepática crônica e 
  • Doença inflamatória intestinal; 
  • Hiperparatireoidismo primário; 
  • Imobilização prolongada 

Fatores de risco comportamentais para sofrer fratura osteoporótica

  • Baixa ingestão de cálcio menos que 700 mg por dia ( = menos de 2 copos de leite ao dia ) 
  • Inatividade física 
  • Deficiência de vitamina D 
  • Baixa exposição à luz solar) 
  • Fumar (atual) 
  • Consumo excessivo de álcool
#FraturaemIdosos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

25 perguntas sobre osteoporose

Manual do Cuidador de Idosos

Minha foto
Prefrati - Prevenindo Quedas e Fraturas em Idosos
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Prevenindo Quedas e fraturas em Idosos